FC Barcelona, Inovação e Tecnologia

Por Miguel Nicolau em

FC Barcelona Inovaçao e tecnologia

O FC Barcelona tem aparecido recorrentemente nas notícias relativas à inovação e tecnologia do desporto. Está sempre muito aberto a novas ideias a dedica-se a alavancar novas tecnologias para se tornar num melhor clube dentro e fora do campo nas diferentes modalidades que abrange. Consequentemente acabaram por ser reconhecidos com o prémio da SportTechie (website de notícias de referência mundial a nível de tecnologia no desporto) como a equipa desportiva de destaque em 2018.

Mas não foi apenas por essas razões que o clube Blaugrana foi distinguido com este prémio. De facto, o Barcelona tem usado a tecnologia e a inovação como meios para desenvolver não só o futebol como outros desportos e áreas relacionadas. Este é o aspeto diferenciador da abordagem do clube perante a inovação.

A filosofia do Barcelona é materializada com o Barça Innovation Hub. Sem sombra de dúvida estamos perante uma organização que é “Més que un Club”, sendo que esta iniciativa tem três dimensões principais: produção e partilha de conhecimento; co-desenvolvimento, teste e lançamento de novos produtos e serviços; promoção e facilitação de um ecossistema relevante.

De modo a atingirem os seus objetivos, juntam marcas de prestígio, universidades, centros de investigação, start-ups, empresários, estudantes, desportistas, investidores e visionários. Adicionalmente, estão envolvidos em várias áreas: desportos coletivos, rendimento desportivo, análise e tecnologia desportiva, saúde e bem-estar, fan engagement e big data, instalações inteligentes e inovação social.

Não é isto mesmo que o desporto precisa? Esta junção e colaboração dos diferentes intervenientes tem todo o sentido. Só não tem sentido que iniciativas como esta não sejam aproveitadas, desenvolvidas e dispersas pelo mundo fora.

Tal como disse Albert Mundet, diretor do conhecimento no Barça Innovation Hub: “Se o Real Madrid vier aqui e quiser perceber como treinamos os nossos atletas, queremos partilhar isso. Se me perguntarem na semana anterior a jogarmos contra o Real Madrid, provavelmente diria que não. Mas estamos a trabalhar nas coisas que terão efeito daqui a alguns anos.”

Uma das iniciativas recentes do Barça Innovation Hub, neste caso em colaboração com a FIFA, tem o objetivo de padronizar os dados recolhidos pelas equipas de futebol durante os treinos e os jogos. Tanto equipas como ligas têm vindo a recolher cada vez mais dados relativos aos jogadores mas de forma muito heterogénea. A padronização facilitaria a partilha e a análise de dados entre equipas e ligas.

Relativamente ao Barça Innovation Hub: como amantes do desporto, devemos aplaudir, agradecer e dar continuidade a estas iniciativas, independentemente das nossas preferências específicas de clube ou desporto.

O Camp Nou vai ser o primeiro estádio da Europa com tecnologia 5G. Este projeto incluirá várias câmaras 360 graus conectadas à rede 5G do estádio. Os fãs do Barcelona poderão usar os seus óculos de Realidade Virtual em casa para verem o jogo como se estivessem no estádio. Além disso, esta tecnologia será usada para gravar conteúdo behind-the-scenes de sessões de treino e proporcionar visitas guiadas ao estádio.

O Barcelona passou também a oferecer a sua Revista Barça em formato digital. Esta iniciativa terá a sua própria aplicação e a revista terá conteúdo interativo.

É justo afirmarmos que o FC Barcelona é um exemplo no que toca a inovação e tecnologia no desporto, a par do Arsenal, como já explicámos aqui.

Já estão na nossa lista de e-mail? Enviar-vos-emos, uma vez por semana, o sumário da semana, pelo que se preferem ter o conteúdo resumido e ganhar tempo, o e-mail será uma boa solução.

Acompanhe-nos nas redes sociais

Miguel Nicolau

Sou apaixonado pelo desporto desde muito novo, seja como praticante ou como espectador. Acredito no potencial do mundo do desporto e na sua importância, daí estar a desenvolver este projeto. Tirei uma licenciatura em Economia na FEP e um mestrado em Gestão Desportiva no Johan Cruyff Institute. Continuo a aprender (mais pelo prazer do que pela necessidade) seja com livros, cursos online ou pessoas que vou conhecendo. Se quiserem conversar ou partilhar ideias comigo, não hesitem em contactar-me via LinkedIn.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Segue-nos nas redes sociais!